O governador, Eduardo Leite, anunciou na última segunda-feira (22) que o horário de início da suspensão das atividades foi antecipado das 22h para as 20h e passa a valer a partir desta terça-feira (23), dessa forma, os supermercados não poderão continuar funcionando após esse horário. Leite ressaltou que mesmo com a medida do final de semana, as internações continuaram aumentando.

O decreto detalha regras sobre a suspensão das atividades entre 22h e 5h a partir deste sábado até o dia 2 de março. Durante esse horário, está proibida a abertura de qualquer estabelecimento que atenda ao público. Também estão proibidas: festas, reuniões, eventos, formação de filas e aglomerações de pessoas nos recintos ou em suas áreas externas. A regra da aglomeração também se estende as faixas de areia das praias, calçadas, portarias e entradas de prédios.

Por outro lado, o decreto libera os seguintes serviços para seguirem trabalhando: farmácias, clínicas médicas, hospitais, serviços agropecuários e veterinários, hotéis, postos de combustíveis – sem aglomeração – e estabelecimentos que trabalhem, exclusivamente, no modelo de tele-entrega.