Foto: Matheus Tomaz/Prefeitura de Canoas

Começaram a funcionar na última segunda-feira (22) mais 20 novos leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) destinados, exclusivamente, à internação de pacientes graves da Covid-19, em Canoas. Os leitos foram abertos no Hospital Nossa Senhora das Graças (HNSG) e representam um alívio na pressão sobre a rede hospitalar do município nos últimos dias, que opera, atualmente, com taxa de ocupação acima dos 90%.

No total, serão 94 leitos de terapia intensiva dedicados ao tratamento de pacientes com Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) na rede SUS.

As enfermarias Covid-19 também foram ampliadas. No final de semana, ocorreu a abertura de 16 novos leitos – 10 no Hospital Universitário (HU) e seis no HNSG. Com esse acréscimo, o município passará a contar com 95 leitos clínicos. Está prevista para esta semana a inauguração de mais 20 leitos de enfermaria, todos no HU, e uma ala clínica no HNSG, até o final do mês, com previsão de 45 leitos clínicos, segundo informações da Secretaria Municipal da Saúde.

51 leitos de UTI foram abertos desde janeiro

Para atender a demanda de internações pela Covid-19, o município de Canoas tem investido na abertura de leitos de UTI. Desde janeiro, 51 leitos de terapia intensiva foram inaugurados, o que elevou a capacidade da rede hospitalar de 43 para 94.

“São 51 leitos de UTI Covid em 50 dias de gestão, um avanço considerável. Se não tivéssemos ampliado a estrutura de leitos existentes em 2020 em mais de 100%, estaríamos em situação crítica”, afirma o secretário municipal da Saúde, Maicon Lemos.