Foto: Alisson Moura/Prefeitura de Canoas

A Rio Grande Energia (RGE), por meio do Programa de Eficiência Energética, está beneficiando famílias de Canoas com ações para auxiliar na economia de energia. Os clientes são contemplados com a instalação de trocadores de calor, também chamados de chuveiros inteligentes, em suas residências.

Leia mais notícias de Canoas

A estimativa da RGE e da Prefeitura de Canoas é atender as famílias enquadradas na tarifa social ou que morem em áreas consideradas de vulnerabilidade social, indicadas pelo poder público, por meio do CRAS- CADÚnico. Os consumidores beneficiados são selecionados pela RGE e pela Secretaria de Cidadania de Canoas. Eles são visitados para verificar se atendem às necessidades técnicas de instalação. As ações não têm custo para o cliente beneficiado.

Nesta segunda-feira (12), um evento simbólico marcou o início das ações na cidade. Equipes da RGE e o Secretário de Cidadania de Canoas, Paulo Bogado, acompanharam a instalação do primeiro dos 500 chuveiros inteligentes no município. Os trocadores de calor são equipamentos que permitem uma economia de até 50% no gasto com energia elétrica, além da economia média de 15 mil litros de água por ano.

“Vai ajudar bastante. São sete banhos aqui em casa, então imagina, deu 312 reais de luz mês passado! Já tomei dois banhos nele. A diferença é enorme pros outros chuveiros, que tem que rezar pra sair água quente. Esse aqui tu pode controlar, ele é prático! Estou muito feliz! As crianças agradecem”, relata Volnei da Silva, morador do bairro Guajuviras, que recebeu um aparelho.

Além dos trocadores de calor, as famílias receberão lâmpadas LEDs doadas pela distribuidora, que são até 80% mais econômicas e duram cerca de três vezes mais horas do que as outras. As ações somam um investimento de cerca de R$ 900 mil por parte da distribuidora.

“É uma parceria público-privada que atenda às pessoas que têm necessidades, que estão vulneráveis. Então a gente fica muito feliz de poder estar atendendo a essas famílias nesse momento tão difícil de pandemia”, declarou Bogado.