Foto: divulgação/Polícia Civil

Coordenados pelo delegado Fernando Siqueira 4ª DIN/DENARC, agentes da Polícia Civil acabaram com um sistema de tele-entrega de drogas de Canoas nesta quinta-feira (13). Ao todo, foram quatro são presos por tráfico de drogas.

Na operação, foram apreendidos em torno de 25kg de maconha, arma de fogo, dinheiro, 6 comprimidos de ecstasy e dois veículos. O grupo foi flagrado durante uma entrega que começou no bairro Niterói, em Canoas, e terminou na Capital.

Leia mais notícias de CANOAS

Segundo o Delegado Siqueira, em posse de informações no setor de investigações da 4ª DIN/DENARC sobre um dos suspeitos que estaria coordenando o esquema, a equipe BRAVO passou a monitorar a quadrilha e realizou uma campana no endereço do investigado. A confirmação veio quando um dos presos estacionou um Celta em frente a casa, recebendo deste uma caixa de papelão.

A equipe passou a acompanhar o carro até o centro de Porto Alegre, onde o mesmo estacionou em uma praça na Av. Fernando Machado. Momentos depois, um Fiesta preto, dirigido por um terceiro, parou atrás do Celta e entregou para o outro uma sacola.

Foi neste momento que os suspeitos foram abordar. Dentro do Fiesta, os policiais encontraram uma sacola contendo diversas porções de maconha, fracionadas e embaladas para venda, pesando em torno de 600 gramas. No Celta o flagrante foi com diversas porções de maconha, com a mesma embalagem encontrada no Fiesta, pesando em torno de 500 gramas.

Após as prisões, e constatando que o alvo inicial realmente havia entregue maconha para o cúmplice, a equipe voltou à campana na residência e viram abordaram o suspeito quando chegou em casa. Ele confessou ter mais droga na residência.

Durante a revista na casa, foram encontrados três tijolos de maconha, uma balança, diversos sacos pequenos para embalar droga e um revólver calibre 38 raspado e municiado com cinco cartuchos intactos. O preso informou, por fim, que encontraria um quarto indivíduo, que receberia o restante do entorpecente.