Construtora vai investir mais de R$ 200 mil em Canoas | Agência GBC
21.2 C
Canoas
29 de novembro de 2022

Construtora vai investir mais de R$ 200 mil em Canoas

Foram investidos R$ 22,4 mil no plantio de 45 Jerivás, 30 Butiás e 20 Corticeira - espécies nativas do Rio Grande do Sul

Siga a Agência GBC no Instagram

Maior construtora da América Latina, a MRV investirá mais de R$ 220 mil em melhorias no município de Canoas durante a construção do Residencial Porto Bello, empreendimento ao qual ações ambientais e de urbanização estão atreladas. A primeira de uma série de iniciativas foi a realização do plantio de árvores na Praia de Paquetá, em Canoas.

Foram investidos R$ 22,4 mil no plantio de 45 Jerivás, 30 Butiás e 20 Corticeira – espécies nativas do Rio Grande do Sul. “As mudas levadas à Praia de Paquetá são uma compensação ao corte de vegetação junto ao muro, guarita e passeio público do novo condomínio. Haverá, ainda, mais iniciativas importantes como esta para compensação ambiental do restante do empreendimento”, salienta Natalia Vignatti Dini, consultora de desenvolvimento imobiliário da MRV no RS.

Para a MRV, a Sustentabilidade é um pilar essencial para o desenvolvimento de seu negócio. O tema está presente em todas as atividades da companhia com ações guiadas estrategicamente por meio da Visão MRV 2030, documento norteador que alinha as operações da companhia com os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODS) propostos pela Organização das Nações Unidas (ONU).

A sustentabilidade está inserida em todas as etapas do desenvolvimento das moradias, desde a escolha do terreno para a construção dos empreendimentos, relacionamento com vizinhança de obras, técnicas inovadoras de construção, até a entrega das chaves para moradores que terão itens como energia solar ou dispositivos para economizar água para garantir economia de recursos naturais.

Em 2022, a MRV foi selecionada pelo 7º ano consecutivo para integrar a carteira do Índice Carbono Eficiente da B3 (ICO2 B3) de 2022, indicador que atesta o comprometimento de empresas no fomento de uma economia de baixo carbono. Para a MRV, que em 2020 reduziu 80 mil toneladas de emissões de GEE, estar presente no ICO2 B3 reforça o compromisso com o tema e o esforço da companhia em ser referência na agenda climática global. A companhia também é signatária da Rede Brasil do Pacto Global da Organização das Nações Unidas (ONU).  

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!