Foto: Jaime Zanatta/GBC

Siga a Agência GBC no Instagram

Chega a sete o número de presos durante a Operação Arca Especial que foi deflagrada na manhã desta sexta-feira (27) em Canoas e Nova Santa Rita. A ofensiva da Polícia Civil tem o apoio do 15° Batalhão de Polícia Militar (15° BPM).

De acordo com o delegado Mário Souza, diretor da 2ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana (2ª DPRM), a investigação começou após denúncias anônimas sobre maus-tratos aos animais. Porém, ao longo do processo, os policiais identificaram outros crimes. Um deles é a venda de armas através de sites de compras e de aplicativos.

Mais de 155 policiais estão nas ruas. Além de Canoas e Nova Santa Rita, estão sendo cumpridas ordens judiciais em mais 10 cidades gaúchas. “É a maior operação contra crueldade de animais em 2022 no Rio Grande do Sul”, destaca.

Aguarde mais informações