A Escola Estadual de Ensino Médio (EEEM) André Leão Puente, mais antiga instituição pública de ensino de Canoas, recebeu homenagem na Câmara de Vereadores nesta terça-feira (21). Para receber a homenagem, estiveram presentes o diretor da escola, Felipi Vidal Fraga; Cristine Roman Cardoso de Araujo Silva, Vice-diretora; as Agentes Educacionais, Alessandra de Franceschi Aldrighi Vuelma, Antônia de Lima Ferreira Pinto e Regina Celia de Lima; as alunas Mylena Hoffmann, Juliana Medeiros, Bianca Vidal e Bruna Jaques e o ex-aluno Ryan Arriera.

Em seu pronunciamento, o vereador Gilson Oliveira (Avante) destacou a importância da escola para a cidade e contou a história do professor que dá nome à instituição. “Antes mesmo de Canoas ser uma cidade, a escola já existia e traz consigo uma bagagem enorme”, afirmou. O parlamentar também exaltou as diversas conquistas da escola, com reconhecimentos internacionais obtidos a partir de projetos desenvolvidos pelos alunos, e a referência que representa para a comunidade, com suas portas abertas ao público.

O diretor Felipi Vidal Fraga salientou que a escola vem cumprindo com o seu papel social. “Temos muitos projetos na escola que tem como objetivo a valorização do aluno e fico muito feliz de ver, só aqui no plenário, quatro ex-alunos de nossa escola. Estamos muito conectados nas redes sociais e todos podem ver o trabalho que a gente vem realizando”, ponderou.

Fraga também projetou o futuro da escola, fundada em 1932. “São 90 anos de uma escola que quer chegar aos 100 anos na vanguarda de uma educação pública de qualidade, conectada as novas formas de comunicação, que almeja ser um polo de produção cultural, trabalha para ter um Tecnico em Audiovisual e sonha, desde a sua fundação, com uma quadra de esportes coberta”, afirma.