Foto: JL Balestrin/GBC

Siga a Agência GBC no Instagram

O motorista preso por fugir após atropelar uma criança de dois anos e duas mulheres na tarde desta quarta-feira (6) no bairro Estância Velha, em Canoas cometeu outros crimes de trânsito. Ele estava dirigindo um veículo com licenciamento vencido e não tinha Carteira Nacional de Habilitação.

VEJA MAIS:

De acordo com informações apuradas pela reportagem de Agência GBC, o condutor fugiu da Rua Olavo Fernandes sem prestar socorro após atingir as vítimas. Testemunhas acionaram a Brigada Militar (BM) que fizeram buscas pelo bairro. Minutos depois, o condutor foi preso pelos policiais da Rocam do 15° Batalhão de Polícia Militar (15° BPM) na Rua São Nicolau.

O veículo, um Renault Megane, estava com o para-brisa quebrado. O motorista foi submetido ao teste do bafômetro que deu positivo.

Criança, tia e avó foram socorridas pelo SAMU e levadas ao Hospital de Pronto Socorro de Canoas (HSPC). Não há informações atualizadas sobre o estado de saúde delas.