PEDOFILIA | Padrasto estuprava enteada de 12 anos constantemente

Na noite de sexta-feira (05), a Brigada Militar de Canela foi acionada por volta das 20 horas, para atender ocorrência de estupro de vulnerável, onde a vítima de 12 anos havia sido abusada por seu padrasto na parte da tarde.

Conforme a comunicante, sua filha, que é amiga da vítima, lhe mostrou um vídeo recebido da própria vítima através do Whatsapp, no qual o seu padrasto introduzia os dedos nas partes intimas da adolescente.

A guarnição foi ao local onde abordaram o acusado. Ele apresentava lesões em decorrência das agressões que sofreu de populares.

A vítima informou que já havia sido estuprada em outras ocasiões por seu padrasto, fato que ocorria diariamente há mais de um mês, sempre quando sua mãe saia para trabalhar.

A mãe da adolescente declarou que estava convivendo com o acusado desde o mês de maio desse ano. Na sequência, ele teria ficado desempregado quando começou a ficar em casa sozinho com a sua filha.

O autor de 52 anos, com antecedentes por porte ilegal de arma de fogo, foi preso em flagrante pelos Policiais Militares e encaminhado ao presídio de Canela.

Fonte: Leouve / Grupo APNI