Feira do Livro de Canoas é cancelada: dinheiro vai para reparos em escolas e hospitais atingidos pelo temporal | Agência GBC
18.8 C
Canoas
29 de setembro de 2022

Feira do Livro de Canoas é cancelada: dinheiro vai para reparos em escolas e hospitais atingidos pelo temporal

Prefeitura divulgou nesta sexta-feira comunicado informando o cancelando do evento que costuma ocupar a Praça da Bandeira em outubro

Canoas não terá Feira do Livro em 2022. A decisão do governo foi comunicada em nota divulgada pelo site da Prefeitura e em vídeo nas redes sociais. De acordo com o órgão, os gastos extraordinários para recuperação da cidade, após o temporal de 15 de agosto, inviabilizam as despesas com o evento.

O mesmo aconteceu com a Semana Farroupilha, que começou nesta sexta-feira, 9, e segue até 20 de Setembro. Todas as atividades no Parque do Gaúcho estão sendo promovidas por entidades tradicionalistas do município e pela iniciativa privada.

Confira, a seguir, o comunicado da Prefeitura sobre a Feira do Livro:

A Prefeitura de Canoas informa que a Feira do Livro precisou ser cancelada para priorizar a reconstrução da cidade após o temporal, considerado a microexplosão do dia 15 de agosto. A Administração Municipal projeta investir cerca de R$ 6 milhões para ajudar os mais atingidos e reparar escolas e hospitais.

A secretária da Cultura, Alessandra Dorneles, explica que já estava com a programação da feira em ritmo avançado, porém considera mais importante restaurar a cidade. “Gostaríamos muito de realizar a feira, vemos que o povo clama por eventos culturais nesse período pós-pandemia. Porém, com a microexplosão, precisamos concentrar nossos recursos na reconstrução da cidade”, enfatizou.

Com ventos de mais de 120 Km/h, a microexplosão deixou um rastro de destruição pela cidade, afetando aproximadamente 24 mil pessoas, destelhando mais de 6 mil residências. Por este motivo a Prefeitura de Canoas adquiriu e distribuiu, de forma emergencial, 20 mil telhas para a população atingida.

Nas duas semanas após o temporal, a Defesa Civil distribuiu 2.507 peças de roupa; 428 pares de calçados; 75 cobertores; 15 colchões; 1.085 itens de alimentação (entre cestas básicas, lanches e marmitas); e 16 itens de mobiliário (camas, berços e armários).

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!