17 C
Canoas
24 de junho de 2024

Jovem de Canoas relata que motorista de aplicativo se masturbou na frente dela durante corrida

O caso será investigado pela Polícia Civil

CLIQUE AQUI para receber as notícias no WhatsApp

Circula pelas redes sociais o relato de uma jovem de 17 anos, moradora de Canoas, que afirma ter sofrido assédio sexual dentro do carro de um motorista de aplicativo. O caso divulgado nesta terça-feira (10) teria acontecido no último sábado (7).

Conforme a publicação, a jovem estava indo para o trabalho quando durante a corrida começou a conversar o motorista. Em seguida, ela conta que ele começou a conversar sobre relações sexuais e que já teria aceitado a prática como pagamento de corrida.

Minutos depois, a passageira conta que ele tirou o órgão genital para fora e começou a se masturbar. “Ele ainda perguntou se eu me importava dele fazer aquilo ali”, relata na publicação que fez.

Desesperada, a jovem contou que tentou sair do carro, mas não conseguiu. Além disso, ela notou que o motorista desviou o caminho para aumentar o tempo da viagem. “Por pouco não me acontece nada pior”, pontua.

O caso será investigado pela Polícia Civil. Informações como a imagem e o nome do suspeito não podem ser divulgadas, para não atrapalhar a investigação. A reportagem tenta contato com a 99, plataforma utilizada pela vítima, mas ainda não obteve retorno.

Mais uma vez

Esse não é o primeiro caso envolvendo jovens e motorista de aplicativo em Canoas. Em 2021, uma jovem se jogou do veículo após relatar ter sido dopada pelo condutor.

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!