Realização de transplante capilar demanda atenção e cuidados | Agência GBC
13.2 C
Canoas
28 de setembro de 2023

Realização de transplante capilar demanda atenção e cuidados

O transplante capilar é uma técnica que vem sendo difundida com os anos e, atualmente, é a cirurgia mais comum para calvície entre homens e mulheres. De acordo com informações da Associação Brasileira de Cirurgia da Restauração Capilar (ABCRC), os primeiros procedimentos de restauração capilar datam de 1939. Hoje, já existem diferentes métodos desenvolvidos e até mesmo com auxílio de robôs.

A técnica mais popularmente conhecida é chamada de Follicular Unit Extraction (FUE) ou Extração de Unidades Foliculares, que consiste na retirada de unidades foliculares de uma área não suscetível a quedas (partes lateral ou posterior da cabeça) e implantação na área calva. Ainda de acordo com a ABCRC, caso o procedimento não seja realizado corretamente ou seja feito por um profissional sem treinamento e licença, podem surgir cicatrizes esbranquiçadas e a área doadora corre o risco de ficar danificada.

Para o Dr. Álvaro Tulio Fortes, responsável técnico da Clínica THT Hair Transplant, especializada em tratamentos e cirurgias capilares, um procedimento de transplante capilar realizado corretamente pode trazer também benefícios psicológicos ao paciente. “Pode-se considerar que um transplante capilar e seus resultados irão além do que uma simples cirurgia estética, influi diretamente na qualidade de vida e bem estar daqueles que o fazem”, afirma.

O médico também explica que a técnica é composta de etapas delicadas, que devem ser executadas com atenção redobrada por parte dos profissionais. “ São passos cirúrgicos que foram criados por médicos e, com eles, é possível realocar os folículos capilares ainda saudáveis, transferindo-os para a região que está sofrendo com a calvície”, salienta o especialista.

Além de intervenções cirúrgicas, como o transplante, a calvície pode ser tratada com outros métodos. O Dr. Álvaro Tulio Fortes salienta que o especialista é quem poderá indicar e sugerir o tratamento mais direcionado para obtenção de melhores resultados. “O paciente deve procurar por clínicas especializadas, com certificações nos métodos oferecidos. Pesquisar em sites confiáveis, verificar avaliações de pacientes anteriores e, é claro, considerar que nem sempre o valor mais barato será sinônimo de qualidade, assim como valores exorbitantes também não são garantia de efetividade”, indica.

 

  •  

 

 

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!