Quadrilha usa motoboys para entregar drogas em Cachoeirinha

Os criminosos foram alvos de uma operação da Polícia Civil com o apoio da Brigada Militar

CLIQUE AQUI para receber as notícias no WhatsApp 

A Polícia Civil deflagrou na manhã desta sexta-feira (11) a Operação Consegna. A ação, coordenada pela 1ª Delegacia de Polícia de Cachoeirinha, era contra uma quadrilha acusada de vender drogas pelas redes sociais e fazer tele-entrega dos entorpecentes

A ação contou com o apoio dos policiais do 26° Batalhão de Polícia Militar (26° BPM).

Mais de 100 policiais cumpriram 18 ordens judiciais em Canoas e Cachoeirinha. Eram três mandados de prisão preventiva e 15 de busca e apreensão. 

Dois criminosos foram presos

Modus operandi

A investigação descobriu um complexo sistema de venda de drogas por delivery. 

O grupo agia da seguinte forma: a oferta era feita pelas redes sociais. Os ‘clientes’ faziam a encomenda de maconha, cocaína e outras drogas. Em seguida, os traficantes mandavam via entregador, os entorpecentes. O ‘serviço’ funcionava 24 horas por dia. 

Em alguns casos, dependendo da quantidade de drogas que eram compradas pelos clientes, os traficantes davam descontos. 

Esquema descoberto 

Durante a investigação, os agentes identificaram vendedores, entregadores e os criminosos que armazenavam, forneciam e também faziam a distribuição entre os pontos de venda. Eles integram uma cédula pertencente a uma facção criminosa.

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!