25.3 C
Canoas
23 de junho de 2024

CANOAS: Polícia Civil faz operação contra grupo criminoso que assalta bancos e pratica agiotagem e tráfico de drogas

Além de Canoas, a ofensiva ocorre em outras cidades da Região Metropolitana

CLIQUE AQUI para receber as notícias no WhatsApp

A Polícia Civil deflagrou nesta quarta-feira (13) a Operação Intocáveis – Ultimato. A ação é apreender bens adquiridos por um grupo criminoso responsável por assaltos a bancos, agiotagem e tráfico de drogas. 

A ofensiva acontece em Canoas e em outras cidades da Região Metropolitana. São elas: Alvorada, Barão do Cotegipe, Cachoeirinha, Canela, Encantado, Erechim, Gravataí, Ijuí, Lajeado, Porto Alegre, São Leopoldo e Santa Cruz do Sul, além de municípios de Santa Catarina e do Paraná

Estão sendo cumpridos 42 mandados de busca e apreensão domiciliar, 59 bloqueios de contas bancárias, 59 sequestros de criptoativos e apreensão de 12 automóveis, seis imóveis, 63 aeronaves e embarcações. 

Como o grupo foi identificado? 

A ofensiva é resultado de investigações realizadas pela 1ª Delegacia de Polícia de Repressão a Roubos do Departamento Estadual de Investigações Criminais (DEIC) após um ataque a uma agência bancária na Avenida do Forte, em Porto Alegre, em 2022. Na ocasião, integrantes do grupo criminoso foram presos e, a partir das prisões, os investigadores descobriram o processo de lavagem de dinheiro feito por eles.

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!