13.3 C
Canoas
15 de julho de 2024

Menina de 12 anos era agredida com facão pelo pai ao resistir a estupros

Ele foi condenado a 37 anos de prisão

A Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), prendeu, na segunda-feira (10), um homem de 53 anos.

Ele foi preso por estupro de vulnerável contra a própria filha, que atualmente tem 30 anos. Os abusos sexuais começaram quando a vítima tinha apenas 12 anos, em 2005, e se prolongaram até os seus 16 anos, em 2009.

Contudo, a menina foi morar com o pai aos 12 anos para ajudar a cuidar dos irmãos mais novos e realizar tarefas domésticas. Foi aí que o pai começou uma série de abusos contra a menina.

LEIA MAIS:

O homem engravidou a própria filha em duas ocasiões. Na segunda gestação, a menina era agredida constantemente e obrigada a tomar medicamentos abortivos.

Dessa forma, após anos de abusos, a filha resolveu denunciar o pai. Ele foi condenado a 37 anos de prisão.

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!