21.8 C
Canoas
21 de julho de 2024

Mercado Livre é condenado a pagar R$ 80 milhões a trabalhadores

Empresa não pagou horas extras e adicional noturno 

O Tribunal do Trabalho da 2° região de São Paulo condenou a empresa Meli Developers, empresa de T.I do Mercado Livre, a pagar R$80 milhões em indenização a funcionários e ex-funcionários por horas extras e adicional noturno não pagos. 

Nas datas-base da categoria, a empresa fez reajustes salariais e multas, mas não quis se manifestar sobre o caso.

LEIA MAIS: Oito escolas voltam às aulas em Canoas

A decisão beneficiará 5 mil funcionários. A empresa ainda pode recorrer a decisão. Dessa maneira, cada funcionário e ex-funcionário receberá  R$16 mil.

Um levantamento feito nos Tribunais Regionais do Trabalho identificou 2.388 processos trabalhistas em andamento contra as empresas com CNPJs relacionados ao Mercado Livre.   

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!