FOTO: Defesa Civil de Sananduva/Divulgação

FOTO: Defesa Civil de Sananduva/Divulgação

Da redação | A Defesa Civil estima que pelo menos 150 residências foram alagadas em Sananduva, no Norte, devido à forte chuva que atinge o município na tarde desta quarta-feira (24). Devido ao grande volume de chuva, os três rios que cortam a cidade transbordaram.

Há casas, lojas e prédios alagados. As áreas mais atingidas foram a região central e o bairro São José Operário. Os agentes da Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros Voluntários precisaram retirar pelo menos 20 crianças da creche Mundo Encantado, que foi completamente tomada pela água. As crianças foram removidas a tempo e abrigadas em um posto de saúde da região.

O coordenador da Defesa Civil no município, Carlos José Picolotto, relata a situação caótica. “O alagamento atingiu toda a área central. Não tínhamos visto nada parecido nos últimos 50 anos. Ainda não temos ideia da dimensão dos estragos”.

Com o apoio da Brigada Militar e dos Bombeiros Voluntários, a Defesa Civil tenta realizar levantamento de todos os estragos causados pela chuva. Há famílias que precisaram sair de casa, mas, como a chuva diminuiu, elas devem retornar ao longo do dia ou ficar abrigadas em casas de familiares.