Foto: Divulgação/ Grave

Da redação | A saída da Triunfo Concepa da administração da Freeway provocou o despertar de um grupo de voluntários que pretende contribuir para o trabalho de salvar vidas na rodovia. No último domingo, cerca de 50 pessoas participaram de treinamento de segurança e sinalização para possíveis atendimentos na estrada federal, que liga Porto Alegre e o litoral Norte gaúcho.

A preparação dos voluntários, realizada no Distrito Industrial de Cachoeirinha, foi promovida pelo GRAVE (Grupo de Resgate e Apoio Voluntário de Emergência), juntamente com o NOE (Núcleo Operacional em Emergências), Anjos do Asfalto, SOS Trauma, CVRS (Corpo Voluntário de Socorro e Resgate do RS), Resgate Vida e Agentes de Trânsito de Cachoeirinha. Esses grupos já atendem ocorrências em rodovias estaduais da região, mas seus voluntários salientam que para a Freeway é preciso mais preparo pelas características da rodovia.

37161312_1311452255652217_8798540552271298560_nAproveitando o tempo bom do domingo, o corpo de voluntários treinou situações de acidentes como atropelamento e capotamento, exposição de produtos químicos e derramamento de óleo sobre a pista, além de procedimentos de sinalização.

A iniciativa ganhou elogios do Corpo de Bombeiros Militar (CBM), tendo em vista que contribui para o atendimento de vítimas.

Na última sexta-feira, bombeiros voluntários da metade sul se reuniram com o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT) para tratar do atendimento na BR-290, com o término da concessão da Concepa e o fim dos pedágios pelo menos até o próximo verão.

O DNIT se mostrou solidário e manifestou interesse com a necessidade de atendimentos pelos voluntários no trecho da BR-290.

Na ocasião do encontro, foi ilustrado o grande fluxo de veículos e ocorrências diárias na Freeway.