Foto: Arquivo/ Palácio Piratini

Da redação | Uma definição deve ocorrer nesta semana sobre a situação envolvendo a administração da Freeway. Governos estadual e federal seguem em negociação sobre a concessão temporária da rodovia.

Caso contrário, a solução a ser encontrada é retirar, segundo o DNIT, recursos de outros projetos no Rio Grande do Sul para aplicá-los na manutenção da Freeway.

O departamento nacional explica que essa medida, se tomada, será necessária devido limitação de caixa. Não é descartada ainda a possibilidade de realocar recursos de outros estados para a rodovia.

As negociações incluem a possibiidade de a Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) assumir a estrada até fevereiro de 2019, por meio de um contrato emergencial.

No início de julho deste ano, o contrato de concessão da Freeway com a Triunfo Concepa foi encerrado, deixando a estrada sem manutenção e serviços de conservação e apoio com guincho e ambulância. A medida provocou a suspensão do pagamento de pedágio.