Foto: Derli Colomo Júnior/ Divulgação

Da redação | A Prefeitura de Canoas realizou neste sábado mais uma ação dentro da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo e a Poliomielite. A Unidade Básica de Saúde (UBS) Santa Isabel, no centro da cidade, abriu as suas portas para receber a população.

O Brasil tem apresentado baixos índices de imunização contra o sarampo, o que fez com que a doença voltasse a ser registrada em diversas cidades brasileiras. O Rio Grande do Sul tem 16 casos de sarampo confirmados em 2018.

De acordo com o técnico Valmir Szareski, responsável pelo acolhimento na chegada à UBS, os pais precisam estar atentos às condições para imunizar os filhos. “A orientação que temos é de não negar a vacina, mas sempre repassamos as informações e cuidados necessários. Muitos pais estão trazendo os filhos para essa dose de reforço, mas não podemos aplicá-la novamente em um espaço menor de 30 dias”, explica Valdir.

A primeira dose da vacina contra poliomielite deve ser tomada aos dois meses e a do sarampo com um ano. Se o paciente tem dúvida se está imunizado ou não, os especialistas indicam que seja aplicada novamente a dose referente. A campanha começou no último dia 6 e segue até o próximo dia 31. Durante a semana, todas as UBSs estão fornecendo as vacinas.

Quem deve se imunizar?

:: Poliomielite: crianças de 1 a 5 anos, independentemente de quantas doses já tomou.

:: Sarampo: crianças de 1 a 5 anos, independentemente de quantas doses já tomou.

:: Importante lembrar que as doses só serão aplicadas em crianças que não tenham sido vacinadas nos últimos 30 dias.

Com informações da Secom Canoas