FOTO: Polícia Civil/Divulgação

Da redação | A Polícia Civil divulgou imagens de câmeras de segurança que mostram Evandro Ferreira de 42 anos, deixando a residência sozinho na última terça-feira (11), no bairro Parque da Matriz, em Cachoeirinha, na Região Metropolitana. Ele é suspeito de matar a cunhada Elaine Silva da Silva de 42 anos.

Os investigadores da 1ª Delegacia de Polícia estão analisando as imagens. Chamou a atenção, o fato de Evandro sair sozinho do local, já que ele costumava levar a vítima até uma revenda, onde ela trabalhava. A empresa fica a cerca de dois quilômetros da moradia. Depois, o homem seguiria para curso profissionalizante em Gravataí. O trajeto era feito diariamente pelos dois.

O delegado Leonel Baldasso, responsável pelo caso, ressaltou que a suspeita é que ele tenha matado Elaine dentro de casa. “A polícia acredita que ela possa estar no porta-malas. Estamos buscando imagens que mostram ele mexendo no carro antes de sair de casa”.

Os investigadores também apuraram que, depois de deixar a residência, Evandro foi até um motel da cidade. Testemunhas disseram que o homem chegou sozinho ao local, onde permaneceu por cerca de uma hora. “Quando estava saindo, ele contou para um funcionário que a pessoa com que ele iria se encontrar, não foi. Porém, o quarto estava todo revirado”, comentou Baldasso.

Prisão preventiva

A Polícia Civil solicitou à Justiça a prisão preventiva de Ferreira na última sexta-feira (14). Além da detenção, o delegado pediu a quebra de sigilo telefônico do homem. O corpo de Elaine foi encontrado na tarde de quinta-feira (13), na área rural de Gravataí, próximo ao carro do suspeito.

Inicialmente, os peritos encontraram lesões nas costas e na cabeça de Elaine. “Ainda estamos aguardando o laudo do Instituto Geral de Perícias com as causas da morte da vítima”, finalizou o delegado.