Foto: Arquivo Pessoal/Reprodução

Da redação | A família de Daniel dos Santos Zalkowiski de 17 anos está aflita por notícias. O adolescente está desaparecido desde a madrugada da última sexta-feira (25). Ele foi visto pela ultima vez sendo agredido e colocado à força no porta-malas de um veículo por quatro homens.

A mãe, Ivonir Teresinha dos Santos Nunes de 50 anos, está desesperada. Deficiente auditiva, ela ficou sabendo do desaparecimento pelos amigos do filho. Eles estavam junto com o Daniel, caminhando pelo bairro Piratini, quando de um Fiat Siena Prata, desceram três homens, armados e encapuzados, que o derrubaram no chão, agrediram e o obrigaram a entrar no compartimento do veículo. Um quatro criminoso estava na direção.

Investigação

O caso já foi comunicado a polícia. Na DPPA de Alvorada, o crime foi registrado como seqüestro e cárcere privado. “Até agora ninguém nos procurou”, comentou a namorada de Daniel.

O delegado Edimar Machado, titular da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Alvorada está investigando o crime. Segundo ele, ainda não existem pistas que possam levar a elucidação do caso, já que naquela área não há câmeras de segurança que ajudem a identificar o veículo. “Ainda não houve encontro de cadáver. Então, não há ainda como concluir como execução”, afirmou.