Cena do crime. Foto: Polícia Civil/ Divulgação

Foto: Polícia Civil/ Divulgação

Da redação | Um homem foi morto a tiros na manhã desta terça-feira (19), em Canoas. O crime ocorreu por volta de 11h40. Juan Carlo da Silva Drusian foi atingido pelos disparos enquanto estava na rua Dorival Pacheco, no bairro Guajuviras.

A Delegacia de Polícia de Homicídos e Proteção à Pessoa (DPHPP) investiga se a vítima teria ligação com uma tentativa de sequestro, também no Guajuviras, na noite de segunda-feira (18), quando a Brigada Militar prendeu três pessoas após uma troca de tiros.

Para os investigadores, provavelmente, o homicídio dessa terça-feira tenha sido em resposta ao crime da noite passada, sendo Drusian integrante do mesmo grupo que tentou o sequestro.

Segundo a Brigada Militar, o trio estava em um Hyundai Tucson prata com as placas clonadas. Eles sequestraram um homem na rua 5 e se deslocaram em direção ao cativeiro. No trajeto, uma guarnição da polícia tentou abordar os criminosos, mas eles fugiram.

Na Av. do Nazário, a vítima conseguiu escapar do veículo. O trio passou, então, a efetuar disparos de arma de fogo contra os PMs, que revidaram. Na rua Esperança, a perseguição acabou. Três homens, de 21, 23 e 27 anos, acabaram presos – um estava foragido do sistema prisional e outro acabou ferido.

Os bandidos foram presos com duas pistolas, revólver, espingarda, mais de R$ 1 mil, dezenas de munições e dois tijolos de maconha.

Foto: Brigada Militar/ Divulgação