Foto: Arquivo Pessoal/Reprodução

A Polícia Civil prendeu um homem de 18 anos e apreendeu um adolescente de 17. Eles são acusados da autoria do latrocínio de um motorista de aplicativo. A vítima foi identificada como Antônio Luis do Amaranto da Silva de 38 anos.

O crime ocorreu no dia 3 de abril. Conforme a Polícia Civil, a arma utilizada no crime e o celular da vítima foram apreendidos com a dupla.

O crime

Segundo a investigação, os dois acusados pediram uma corrida para Canoas e embarcaram no veículo no Centro de Porto Alegre. O objetivo deles era roubar o veículo, que foi encontrado pouco depois do crime, também no Centro.

Um dia depois do assalto, o corpo foi localizado em uma área próxima à Ceasa. Para a polícia, o condutor teria reagido ao assalto, já que havia sinais de luta corporal e várias marcas de agressão na vítima, além de dois tiros.

Silva era de Cachoeirinha, deixou esposa e três filhos.