Foto: Derli Colombo Jr/ Prefeitura de Canoas

A Prefeitura de Canoas decretou a obrigatoriedade do uso de máscaras ou protetores faciais no transporte coletivo e individual no município, como ônibus, táxis e demais aplicativos de transporte. A determinação passa a valer a partir desta quarta-feira (22) e proíbe, portanto, o transporte de passageiros que não estiverem utilizando algum tipo de proteção para o rosto.

De acordo com o prefeito de Canoas, Luiz Carlos Busato, a medida visa a proteção dos canoenses. “Estamos trabalhando com muita seriedade e de forma incansável para conter a Covid-19, evitar o colapso da nossa rede de saúde e minimizar os impactos da pandemia em nossa cidade. O uso de máscaras e da proteção facial é mais um recurso para evitar o contágio e proteger nossa população”, destaca.

A Prefeitura de Canoas lembra que quem infringir a determinação está sujeito a uma pena, que vai de um mês a um ano de detenção e multa. Já a Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de Canoas alerta que o uso da máscara não descarta outros cuidados para evitar a Covid-19, como o isolamento social e a limpeza das mãos.