Foto: Jaime Zanatta/ GBC

Esta terça-feira (5) é o segundo dia útil após a reabertura do comércio de Canoas no último sábado (2). Pelo calçadão e nas ruas centrais o movimento é intenso.

Quer mandar sugestões de pauta e flagrantes da sua cidade? Então, anote nosso WhatsApp: (51) 9 8917 7284

Dezenas de pessoas estão em filas de bancos e lojas. Buscando receber o salário do mês passado, a funcionária pública, Gladys Costa estava há mais de 30 minutos em frente a uma agência bancária na 15 de Janeiro. “Cheguei cedo para não pegar filha. Acho que todo mundo teve a mesma ideia”, conta.

Lojas estão abertas com série de restrições

A Prefeitura de Canoas publicou um decreto autorizando a reabertura do comércio no município. Porém, para seguir funcionando, as lojas devem observar uma série de medidas de higienização, proteção e distanciamento interpessoal. Os comerciantes devem adotar medidas para reduzir o fluxo de pessoas, evitando a aglomeração de pessoas.

O decreto municipal permite apenas o ingresso de clientes até o limite de 50% da capacidade da loja, observado o distanciamento interpessoal mínimo de dois metros entre as pessoas. Além disso, só deve ser permitido o acesso de clientes ao interior da loja com o uso máscaras ou protetor facial. Os equipamentos de proteção também são exigidos para os colaboradores.

Pelo texto, os trabalhadores também devem ser submetidos a verificação de temperatura corporal a cada início de jornada. O estabelecimento é obrigado ainda a manter à disposição, na entrada da loja e em local de fácil acesso, álcool em gel 70%, para a utilização dos clientes e dos empregados.