Foto: Arquivo Pessoal/Reprodução

Após ficar 42 dias internada na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital Universitário de Canoas, a morada de Cerro Grande do Sul, Gleci Baum Diasde 58 anos morreu no dia 3 de maio. Ela estava com coronavírus.

Quer mandar sugestões de pauta e flagrantes da sua cidade? Então, anote nosso WhatsApp: (51) 9 8917 7284

Com sintomas de gripe, segundo a família, ela procurou atendimento em uma Unidade Báscia de Saúde. Em seguida, encaminhada para o Hospital Nossa Senhora Aparecida, em Camaquã, e depois transferida para o Hospital Universitário (HU), em 21 de março.

Além da contaminação pelo Covid-19, a paciente também teve complicações no quadro de saúde. Os rins paralisaram e ela foi submetida a uma diálise. Depois, sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC) e perdeu a fala. Por fim, contraiu uma infecção pulmonar de origem bacteriana, provavelmente pelo tempo prolongado em que ficou acamada e também como reflexo do intubamento a que foi submetida.