Foto: Jaime Zanatta/GBC

Mais de 400 pessoas foram abordadas na Operação Integrada realizada entre a noite da última sexta-feira (12) e a madrugada deste sábado (13) em Canoas. As abordagens foram feitas após denúncias de aglomerações e perturbação ao sossego alheio.

Um dos alvos da fiscalização foi um pub na avenida Boqueirão. Durante a fiscalização feita pelos policiais do 15° Batalhão de Polícia Militar, Guarda Municipal, Fiscalização de Trânsito, Bombeiros e órgãos da Prefeitura, foram encontradas diversas irregularidades. Entre elas estão: o grande número de pessoas no local sem uso de máscaras e mesas muito próximas uma das outras não respeitando as regras do distanciamento social.

Agentes de fiscalização da Vigilância Sanitária também encontraram problemas. As bebidas eram deixadas no chão, o que não é permitido por lei. No banheiro, por exemplo, a equipe não encontrou papel higiênico.

A proprietária do estabelecimento assinou um termo circunstanciado por desobedecer os decretos estadual e municipal de combate a pandemia do coronavírus. Além disso, de acordo com a Prefeitura, ela foi notificada pelas irregularidades sanitárias e pelo grande número de pessoas que estavam no local.

No Olaria, mais um pub foi fiscalizado. Cerca de 50 pessoas estavam no local. Nenhuma irregularidade foi encontrada.

O efetivo também fez ronda pelos bairros Mathias Velho, Harmonia e Cinco Colônias, onde foram relatadas denúncias. A fiscalização seguirá reforçada durante o feriadão.