Foto: Polícia Civil/Divulgação

Policiais da 4ª Delegacia de Polícia de Canoas prenderam em flagrante uma mulher de 30 anos no bairro Mato Grande por maus tratos a animais. A ação foi na última segunda-feira (12) em mais uma fase da Operação Arca.

Leia mais notícias de Canoas

De acordo com a Polícia Civil, uma denúncia anônima relatou que os cães estavam em situação de extrema magreza. No local, foram encontrados três cachorros apresentando desidratação, infestação maciça por ectoparasitas, pulgas e carrapatos. Eles foram resgatados e encaminhados para atendimento veterinário.

Segundo a delegada Tatiana, “os animais foram encontrados em um ambiente impróprio, em situação de extrema magreza, com ossos aparentes, feridos e infestados de pulgas e carrapatos, sem acesso a qualquer alimentação ou água. Por este motivo foi dada voz de prisão à indiciada, que, segundo testemunhas, já havia deixado dois cães morrerem recentemente de inanição e desidratação. Este tipo de conduta configura o crime de maus tratos a animais e merece toda a atenção e repressão da Polícia Civil, que intensificará cada vez mais a fiscalização de toda denúncia recebida, não só no sentido de responsabilizar criminalmente os abusadores, mas de resgatar e proteger os animais.”

No último dia 5, a 4ª Delegacia de Polícia de Canoas recebeu o Selo institucional “Delegacia Amiga dos Animais”. Além disso, ela conta com um Cartório Especializado em Crimes contra os Animais  que apura dezenas de denúncias por semana.