Integrantes de facções estão sendo transferidos para a Penitenciária de Canoas

O objetivo, segundo a SUSEPE, é conter a guerra do tráfico que já deixou mais de 30 mortos

Foto: Sue Gotardo/SUSEPE

Siga a Agência GBC no Instagram

A Superintendência de Serviços Penitenciários do Rio Grande do Sul (SUSEPE) realiza nesta sexta-feira (16) mais uma transferência de detentos. Dez criminosos foram transferidos para a Penitenciária Estadual de Canoas (PECAN) e para a Penitenciária de Alta Segurança de Charqueadas (PASC).

Os transferidos estavam na Penitenciária Estadual de Porto Alegre, no Presídio Central, na Penitenciária Modulada de Charqueadas e na própria Pasc, de onde pelo menos um detento foi realocado para a Pecan. Todos agora cumprem em um setor de regime diferenciado.

Dos dez, seis integram uma facção que tem base no Vale do Sinos. O restante é de uma que tem base na Vila Cruzeiro, zona sul de Porto Alegre.

O objetivo, segundo a SUSEPE, é conter a guerra do tráfico que já deixou mais de 30 mortos.