16.9 C
Canoas
23 de junho de 2024

Homem é espancado até a morte em festa

Ele não possuía antecedentes criminais

CLIQUE AQUI e receba as notícias no WhatsApp

A Polícia Civil de Porto Alegre acredita que já elucidou o caso do homício de Jeferson Fernando da Silva, que foi morto a pauladas e pedradas na semana passada, no bairro Jardim Leopoldina, zona Norte da capital. Jeferson, de 38 anos, participou de um evento na Praça México quando se envolveu em um desentendimento com outras pessoas presentes.

De acordo com a investigação da 5ª Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa da Capital, várias testemunhas prestaram depoimento desde a semana passada, ajudando a polícia a reconstruir o cenário do crime. O delegado afirmou que a dinâmica do crime já foi compreendida e que haverá desenvolvimentos na investigação até o final da semana.

Resultados da investigação

As pesquisas indicam que o homicídio foi cometido por mais de uma pessoa e resultou de uma briga subsequentemente ao desentendimento entre os participantes do evento que ocorria no espaço público de lazer do bairro.

Jeferson foi encontrado morto na calçada da Avenida Adelino Ferreira Jardim, pouco depois das 19h do domingo, dia 4. Segundo a polícia, ele não possuía antecedentes criminais.

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!