22.5 C
Canoas
23 de junho de 2024

POLÍCIA: Apontado como líder de facção gaúcha é preso no Rio de Janeiro

Ele já havia sido condenado em 2009 a 30 anos de prisão

Clique aqui para receber as notícias no WhatsApp

Osoni da Conceição, conhecido como Dudu, um foragido de 42 anos e apontado pela polícia como líder de uma facção na Serra Gaúcha, foi preso na zona Sul do Rio de Janeiro em uma operação conjunta envolvendo a Delegacia de Homicídios de Caxias do Sul, Polícia Federal (PF) e o 4º Batalhão de Choque da Brigada Militar. De acordo com as investigações, Dudu usava um nome falso e vivia em Copacabana.

LEIA MAIS NOTÍCIAS: CRIME MACABRO – MARIDO MATA MULHER E CONCRETA CORPO EM GELADEIRA

Fugas

Procurado por mais de três anos, o foragido foi condenado em 2009 a 30 anos de prisão por homicídios qualificados. Ele acabou fugindo da Penitenciária Industrial de Caxias do Sul em 2012, beneficiado pela progressão de regime em janeiro de 2020, mas acabou rompendo a tornozeleira e fugiu novamente.

Acusações e o que diz a defesa

De acordo com o advogado de defesa de Dudu, o cliente não é líder de facção, conforme afirma a polícia, e diz que ele apenas se viu inserido dentro de um ambiente de criminosos. Entretanto, o acusado ainda responde por crimes de homicídio, tráfico de drogas e associação para o tráfico.

Ainda segundo a defesa, Dudu fugiu para o Rio de Janeiro devido a uma tentativa de homicídio sofrida no litoral Norte do Rio Grande do Sul.

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!