20.5 C
Canoas
23 de junho de 2024

POLÍCIA: Polícia Civil estoura depósito de facção e encontra até lança foguete

Também foram apreendidos dois revólveres, uma pistola e um fuzil

CLIQUE AQUI para receber as notícias pelo WhatsApp

A 6ª Delegacia de Polícia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Porto Alegre deflagrou a Operação Efeito Colateral na última segunda-feira (18). A ação é resultado de investigações sobre homicídios praticados por uma facção criminosa no Vale do Sinos.

Durante a ofensiva, os policiais estouraram um depósito de armas em Lajeado, no Vale do Taquari.

Na ação foram apreendidos diversos armamentos, entre eles um lança-foguetes antitanque, considerado um armamento de guerra, geralmente utilizado por exércitos. Também foram apreendidos dois revólveres, uma pistola e um fuzil.

Como o local foi descoberto?
As investigações detectaram atuação do grupo criminoso nas cidades de Porto Alegre, Caxias do Sul e Lajeado. O depósito de drogas foi localizado em uma residência no bairro Hidráulica. O local servia de ponto de armazenamento de armas e munições de uma organização envolvida em homicídios no Rio Grande do Sul, provavelmente em Lajeado, Caxias do Sul e Porto Alegre.

Em coletiva de imprensa, o Chefe da Polícia Civil, delegado Fernando Sodré, afirma que “é uma apreensão extremamente importante, que mostra o quanto esses grupos estão procurando se armar no conflito entre eles e com as forças de segurança. Isso mostra a necessidade de, cada vez mais, intensificarmos não só as investigações desses crimes, mas também a apreensão dessas armas e prisões desses grupos criminosos”.

O diretor do Departamento Estadual de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), delegado Mario Souza, destaca que “foi uma investigação extremamente sensível e que foram utilizadas modernas técnicas de investigação. É impactante um armamento desse tipo ser encontrado ao alcance do crime organizado.”

Já o Delegado Thiago Carrijo, titular da 6ª Delegacia de Homicídios, afirma que as investigações seguirão com o objetivo de esclarecer por completo a dinâmica do crime.

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!