20.5 C
Canoas
23 de junho de 2024

Empresário tem prejuízo de R$ 500 mil ao abandonar motel após ser ameaçado por facção em Canoas

Além disso, após assumir o controle do local, a facção também passou a extorquir clientes após os encontros

O dono de um motel que foi ameaçado por uma facção a abandonar o estabelecimento em Canoas teve um prejuízo superior a R$ 500 mil ao abandonar o local. O grupo criminoso foi alvo da Operação Taipan, deflagrada pela Polícia Civil, com o apoio da Brigada Militar (BM), na última terça-feira (23).

LEIA MAIS

Segundo a polícia, o comerciante teve que deixar o motel para que os criminosos assumissem o controle do estabelecimento.

A investigação também apurou que os criminosos estavam cobrando taxas dos profissionais do sexo para permitir que eles atuassem na área. Além disso, após assumir o controle do local, a facção também passou a extorquir clientes após os encontros.

“É uma organização que quer ter a hegemonia do local e está praticando vários de crimes, além do tráfico de drogas, vários crimes de extorsão”, pontua a delegada Luciane Bertoletti, titular da 3ª Delegacia de Polícia de Canoas.

A é facção investigada por tráfico de drogas, extorsão e associação criminosa.

Operação Taipan

Cinco criminosos foram presos durante a ação. Além disso, os policiais apreenderam um carro, uma motocicleta, uma pistola 9mm, documentos e celulares.

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!