Jonathan Rafael Maria (Foto: Reprodução/ Facebook)

Da redação | Agentes da 6ª Delegacia de Polícia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DPHPP) prenderam, no final da tarde desta quarta-feira (03), em Porto Alegre, um homem de 31 anos, suspeito de matar Jonathan Rafael Maria, 31 anos, que estava desaparecido e foi encontrado esquartejado e carbonizado nesta semana, às margens da BR-290, em Eldorado do Sul.

Segundo a delegada Elisa Ferreira de Souza, a motivação do crime foi financeira. O suspeito de cometer o delito tinha mandado de prisão decretado e estava foragido desde terça-feira (02).

Jonathan estava desaparecido desde 29 de dezembro de 2017, quando teria saído para cobrar uma dívida de mais de R$ 50 mil do suspeito, que era seu amigo.

De acordo com a Polícia Civil, a vítima tinha recebido R$ 50 mil de uma ação trabalhista. Jonathan depositou o valor em uma conta bancária junto com o dinheiro do amigo, com objetivo de eftuar o saque da quantia, com rendimentos, após um ano. No entanto, o suspeito sacou todo o valor, antes de completar um ano, em outubro de 2017. A partir disso, a vítima começou a pedir a devolução de sua parte.

Na semana do Natal, o amigo marcou um encontro, que seria para entregar a quantia, mas acabou armando uma emboscada. Depois da sexta-feira, que seria o dia da entrega, Jonathan não foi mais visto.