Foto: Jaime Zanatta/GBC

FOTO: Jaime Zanatta/GBC

Da redação | Os metroviários do Rio Grande do Sul decidiram em assembléia na última terça-feira (16) cruzar os braços. Eles devem entrar em greve por tempo indeterminado a partir da próxima terça-feira (22).

Entre as exigências da categoria, está o pagamento imediato do acordo coletivo de 2017 e 2018. Os metroviários também decidiram suspender a realização das horas extras entre os dias 21 de maio e 1º de junho.

Uma nova assembléia da categoria está agendada para a próxima segunda-feira (21) às 12h30 no pátio da empresa.

O que diz a Trensurb?

A empresa informou que não fará nenhum tipo de manifestação oficial em relação a decisão da categoria. Porém, a Trensurb está tentando agendar uma reunião de negociação com a categoria na próxima sexta-feira (18).