FOTO: Polícia Civil/Divulgação

Da redação | Dois homens foram presos pela Polícia Civil na manhã desta terça-feira (21). Eles são suspeitos de estarem envolvidos em dois ataques a bancos, uma lotérica, uma cooperativa agrícola e uma casa de câmbio no Uruguai.

Durante a operação que prendeu os dois, foram cumpridos quatro mandados de prisão preventiva e 13 de busca e apreensão em Gravataí, Cachoeirinha, Novo Hamburgo, São Leopoldo, Capela de Santana e Bagé. Três suspeitos de integrarem a quadrilha já haviam sido presos anteriormente. Entre eles, um PM investigado por envolvimento em roubo à agência bancária no Vale do Taquari e um homem que já foi considerado um dos 10 criminosos mais procurados do Estado.

Os suspeitos presos nesta manhã são Carlos Alexandre dos Santos Xavier, detido em Gravataí, e Aldacir da Maia, em São Leopoldo. O terceiro mandado de prisão cumprido nesta manhã foi contra um brigadiano, que já responde a Inquérito Policial Militar e que não teve o nome divulgado.

As ações investigam os crimes de roubos a estabelecimentos bancários e comerciais, além de organização e associação criminosa. Os delegados João Paulo de Abreu e Cristiano Ritta, responsáveis pela investigação, informaram que a base do grupo é a região metropolitana de Porto Alegre, mas com integrantes cooptados em outras localidades.