Prefeitura de Sapucaia do Sul

Foto: Divulgação/ Prefeitura de Sapucaia do Sul

Da redação | Assim como o papel e o plástico, o vidro também pode, e deve ser reciclado, já que ele não se degrada na natureza. No entanto, alguns cuidados devem ser tomados no momento do descarte, para evitar que os coletores de resíduos domésticos não se machuquem e que os sacos rasguem, já que os cacos de vidro são altamente cortantes. Em Sapucaia, somente neste ano, ocorreram 17 acidentes com trabalhadores da empresa responsável pela coleta de lixo na cidade, que se machucaram em objetos cortantes, como cacos de vidro e latas abertas.

A educadora ambiental da Secretaria de Meio Ambiente, Caroline Duprates, salientou que o descarte de cacos de garrafas, de copos ou de vidros de remédios, deve ser feito de forma consciente. “Os cacos devem ser colocados dentro de uma caixa de leite, caixa de sapato ou garrafa pet cortada, depois lacrada com fita adesiva, e identificada, indicando que ali tem vidro”, explicou.

Caroline também esclarece que o descarte do vidro deve ser feito, preferencialmente, no dia da coleta seletiva. Caso alguém queira fazer este descarte, mas não tenha coleta seletiva no seu bairro, pode pedir orientação junto à Cooperativa Cooprevive, pelo telefone 997950640. A Coleta seletiva passa em 14 bairros de Sapucaia, e em todas as escolas municipais.

Assessoria de Comunicação – Prefeitura de Sapucaia do Sul