Foto: Polícia Civil/ Divulgação

Da redação | Mais uma prisão temporária foi convertida em preventiva. Um homem investigado por envolvimento na morte do motorista de aplicativo Paulo Sérgio Machado, 47 anos, foi preso, cujo mandado foi cumprido pela Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Alvorada.

O investigado havia sido preso temporariamente no dia 26 de junho, quando outro homem e uma mulher também foram capturados, no bairro Formoza.

O crime ocorreu na madrugada do dia 10 de junho, no bairro Stela Maris, em Alvorada. Paulo Sérgio Machado foi encontrado sem vida na rua Bezerra de Menezes.

O carro utilizado por ele para trabalhar, um Fiat Uno, estava próximo ao corpo. A vítima foi alvejada por, pelo menos, quatro disparos de arma de fogo pelas costas.