Foto: Reprodução

O governador Eduardo Leite disse, em vídeo publicado nesta quarta-feira (24), que não desistiu de tentar trazer para o Rio Grande do Sul o investimento da Mercado Livre. O chefe do Piratini afirmou que vai continuar tentando convencer a empresa de que estado gaúcho é o melhor lugar para o investimento.

Em nota, o governo gaúcho comunicou que foi informado da desistência do centro de distribuição da empresa em Gravataí. “A negociação com a Mercado Livre envolveu uma série muito complexa de questões de ordem econômica e tributária”, disse o governador.

Santa Catarina se apresentou como interessado em abrigar as instalações da gigante do comércio virtual. O estado catarinense, inclusive, concedeu regime diferenciado para o desembarque do empreendimento. Apesar disso, a Mercado Live continua interessada em investir no Rio Grande do Sul. A empresa promete abrir, num futuro próximo, novos centros de serviço em solo gaúcho.

Leite respondeu ao prefeito de Gravataí. Durante uma transmissão nas redes sociais, Marco Alba afirmou que o governador “levantou da cadeira tarde demais”. “No mundo fácil das redes sociais, provavelmente você vai encontrar críticas dirigidas a mim ou ao nosso governo dizendo que nós mandamos embora um centro de distribuição. Qualquer comparação com o episódio antigo da Ford não é apenas injusta, é desonesta”, pontuou Leite.

O governador lembrou ainda da criação de uma central de atendimento remoto de alta tecnologia, em Novo Hamburgo. A nova unidade da Toque Fale, uma empresa do Grupo Santander, gerará 4,5 mil empregos.