Foto: Eduardo Baratto Leonard

A Fundação de Saúde Pública São Camilo de Esteio (Hospital São Camilo) recebeu, nesta terça-feira (30), mais seis respiradores para sua UTI. A ideia da Prefeitura é utilizar quatro dos novos equipamentos para abrir mais quatro leitos de UTI para pacientes com COVID-19, ampliando, mais uma vez, a capacidade do setor. Na última semana, foram implantados seis leitos, aumentando de oito para 14 os espaços disponíveis na unidade. Os outros dois respiradores que chegaram nesta terça serão utilizados em leitos já existentes.

Os equipamentos foram repassados pelo Governo do Estado à casa de saúde esteiense após solicitação do prefeito Leonardo Pascoal. Ele foi ao hospital e, junto ao diretor administrativo Adriano Coutinho, acompanhou a montagem de um dos aparelhos.

Produzidos no Brasil, os ventiladores pulmonares microprocessados para UTI pediátrico e adulto foram adquiridos pelo Governo Federal para atender as necessidades das unidades hospitalares da rede do Sistema Único de Saúde (SUS). Indicados para casos graves de coronavírus, os equipamentos são fundamentais no enfrentamento à doença, uma vez que ajudam pacientes com dificuldades para respirar.

Agora o São Camilo conta com 34 respiradores. Conforme os dados desta segunda-feira (29), oito equipamentos estavam em utilização, sendo dois por pacientes com COVID-19. O hospital está com 19 dos 45 leitos para coronavírus nos setores adulto e pediátrico ocupados (42,2%), somados UTI, emergência, internação e retaguarda.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, Esteio registra 245 casos confirmados de COVID-19, com 105 pacientes em recuperação, 132 curados e oito óbitos. Outros 165 casos constam como suspeitos e 3.190 foram descartados, com resultado negativo para coronavírus. O Município já realizou 3,6 mil testes para detecção da doença desde março.