Foto: Divulgação

A Pirelli começou na madrugada desta quarta-feira (1°) o processo de demissão dos trabalhadores da unidade de Gravataí, na Região Metropolitana. O local está sendo fechado. Já foram quase 150 desligamentos até o inicio da tarde.

O fechamento total da unidade vai ocorrer em 2021. Até lá, 850 funcionários serão demitidos. Isso está ocorrendo porque a empresa está transferindo a produção gaúcha para Campinas, no interior de São Paulo.

O Sindicato dos Trabalhadores da Indústria de Artefatos de Borracha (STAB) confirma as dispensas. A Pirelli também confirmou que começou a redução do quadro de funcionários.