Foto: Prefeitura de Novo Hamburgo/Divulgação

A primeira operação integrada desencadeada após a instalação do Comitê de Fiscalização e Operações Covid mostrou que o trabalho conjunto das instituições visando o combate à pandemia de coronavírus será cada vez mais intenso em Novo Hamburgo. Na noite da última sexta-feira (27), dois estabelecimentos foram interditados e outros oito vistoriados. As ações ocorreram em diversos pontos da cidade e tiveram como objetivo impedir a realização de festas clandestinas e a aglomeração de pessoas.

No bairro Canudos, um restaurante foi interditado pela Vigilância Sanitária, por descumprimento dos decretos que regulamentam as normas de distanciamento social em Novo Hamburgo, e pelo Corpo de Bombeiros, por estar em desacordo com a legislação de prevenção a incêndios vigente. Cerca de 60 pessoas se encontravam no local, que promovia um show sem autorização.

No bairro Ouro Branco, uma casa noturna foi interditada pela Vigilância Sanitária, também por descumprimento dos decretos que regulamentam as normas de distanciamento social. Cerca de 150 pessoas se aglomeravam no local, grande parte delas sem usar máscara. A festa foi promovida mesmo após os responsáveis pelo estabelecimento terem sido orientados diversas vezes pelos técnicos da Central de Fiscalização quanto a proibição estabelecida para casas noturnas, bares e pubs.

Quatro estabelecimentos no bairro Hamburgo Velho foram fiscalizados e receberam a determinação para o seu fechamento em virtude do limite imposto para o funcionamento. De acordo com a norma municipal, os restaurantes só podem permanecer abertos até as 23h. Nenhum dos locais vistoriados estava em desacordo com a legislação de prevenção a incêndio. No bairro Pátria Nova, a operação acompanhou o encerramento das atividades de outros três estabelecimentos, que cumpriram com as determinações do poder público municipal.

As ações foram encerradas com a dispersão de uma aglomeração de pessoas, a grande maioria jovens, em um posto de gasolina localizado às margens da BR-116. Cerca de 100 pessoas se encontravam nas imediações do local, consumindo bebidas alcoólicas e sem usar máscara. Todos foram abordados, identificados e orientados a se dirigirem para casa.

Com a piora na classificação da região no Distanciamento Controlado, o Executivo municipal definiu por agir com mais rigor. O período atual proíbe as atividades que reúnem muitas pessoas no mesmo ambiente. São elas: festas, bailes, baladas, aglomerações, futebol com torcida e qualquer estabelecimento aberto após às 23h. Denúncias podem ser feitas por meio de protocolo na PMNH, através da GM (fone 153) e pelo WhatsApp (51) 99880-1095.