Foto: Polícia Civil/Divulgação

Um idoso de 65 anos acusado de feminicídio foi preso na manhã desta quarta-feira (13) em Arroio dos Ratos. Ele é acusado de ter matado, em março de 2020, a ex-companheira em Santa Catarina.

Leia mais notícias de polícia

De acordo com a Polícia Civil, ele matou a pediatra Lúcia Regina Gomes Mattos Schultz, de 59 anos. Ela foi estrangulada e morta pelo acusado no apartamento de veraneio do casal em Itapema, logo nos primeiros dias de distanciamento social devido ao início da pandemia do novo coronavírus. O casal se conheceu em 2013, em um site de relacionamentos. Ele morava em Gaspar e ela em Florianópolis.

O idoso já tinha confessado o crime e preso. Porém, a justiça tinha soltado ele em junho. Ele foi preso nesta quarta (14) enquanto almoçava com a nova companheira.