Foto: divulgação/PMC

Na madrugada deste sábado (14), uma operação integrada entre as forças de segurança do município acabou com uma festa no bairro Guajuviras, em Canoas, com mais de 300 pessoas. O estabelecimento, que não teve o nome revelado, foi interditado. 

Receba as notícias de CANOAS pelo WhatsApp

Durante o final de semana, mais de 600 pessoas foram dispersadas de aglomerações, cumprindo os decretos do Governo do Estado e da Prefeitura de Canoas para prevenção do coronavírus. 

Na madrugada de sexta para sábado, a polícia atendeu denúncias de aglomerações em cinco bairros. No Mathias Velho, foi um evento com 30 pessoas e o som alto foi dispersado. Em um bar localizado no bairro Harmonia, 70 pessoas foram encontradas aglomeradas sem o uso de máscaras. Segundo a Prefeitura de Canoas, eles estavam descumprindo os protocolos de enfrentamento à pandemia. O local foi fechado e multado por descumprir o decreto estadual.

Já no bairro Marechal Rondon, um evento com cerca de 100 pessoas foi encerrado. O local foi multado e interditado parcialmente. Os participantes foram dispersados. 

Na madrugada de sábado para domingo, duas ocorrências chamaram a atenção das forças de Segurança Pública. Na primeira delas, em um bar localizado na rua Florianópolis, os fiscais da SMDETI efetuaram um auto de infração, enquanto a Brigada Militar realizou um termo circunstanciado contra a proprietária do local. No evento, foram encontradas 80 pessoas. Na Av. Dr. Sezefredo Azambuja Vieira, 87 pessoas foram encontradas aglomeradas em uma festa. O evento foi encerrado e todos foram orientados a irem para casa.

A operação sossego Guarda Municipal de Canoas somou esforços com a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Turismo e Inovação (SMDETI) e a Brigada Militar, na realização da Operação Sossego.