Rodrigo Wilsin da Silveira, policial civil de 38 anos, foi morto durante operação contra o narcotráfico no dia 23 de junho de 2017, em Gravataí. Na próxima terça-feira (17) começa o julgamento de cinco envolvidos no caso.

O homem acusado de ser o autor dos disparos vai respoder por homicídio triplamente qualificado, além da tentativa de homicídio de outros três agentes, porte ilegal de armas de fogo, organização criminosa e receptação. A decisão será no Fórum de Gravataí.