14.9 C
Canoas
22 de julho de 2024

Leite anuncia auxílio de R$ 450 para quem adotar animais resgatados na enchente

O governador Eduardo Leite anunciou um pagamento de auxílio para quem adotar animais resgatados na enchente

O governador Eduardo Leite anunciou um novo projeto para incentivar a adoção de animais resgatados durante as enchentes. Com um investimento de R$ 6,86 milhões, o projeto será encaminhado à Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul. O objetivo é garantir lares para esses animais e fornecer suporte financeiro para os adotantes.

O projeto prevê um incentivo de R$ 450 por animal adotado, com um limite de dois animais por pessoa. Este valor cobre os cuidados básicos por seis meses. O pagamento será feito em duas parcelas: a primeira logo após a adoção e a segunda após três meses, após um acompanhamento para garantir o bem-estar do animal.

Esse apoio financeiro visa facilitar a adoção por pessoas que desejam ter um animal de estimação, mas que podem enfrentar dificuldades com os custos iniciais. Assim, o governo busca assegurar que os animais resgatados encontrem lares permanentes e recebam os cuidados necessários.

Atualmente, 15.259 animais de estimação estão abrigados em 353 locais em todo o Rio Grande do Sul. A maior concentração ocorre em Canoas (5.335 animais) e em Porto Alegre (4.223).

MATÉRIAS RELACIONADAS

MAIS LIDAS

error: Conteúdo protegido!