FOTO: Polícia Civil/ Divulgação

Da redação | O proprietário de um atacado e varejo de carnes foi preso em flagrante pela Polícia Civil, na manhã desta sexta-feira (08), no bairro Rio Branco, em São Leopoldo. A ação foi realizada pela Delegacia Especializada na Defesa do Consumidor (Decon) em conjunto com a Vigilância Sanitária do Município.

De acordo com o delegado Rafael Liedtke, o alvo comercializava produtos sem a devida comprovação de origem e fracionava os mesmos sem a devida autorização da vigilância sanitária. Além disso, o estabelecimento também estava com alvará da vigilância sanitária vencido.

No local, foi apreendida cerca de meia tonelada de carnes, impróprias ao consumo humano e sem comprovação de origem. O material seria destinado à comercialização em São Leopoldo. “O indivíduo responsável pela distribuição dos produtos foi autuado em flagrante por crime contra as relações de consumo”, explicou Liedtke.