Da redação | O motorista da van que morreu em um acidente na BR-386, na manhã deste domingo (03), em Tio Hugo, na região norte do Rio Grande do Sul, teria colocado fogo em sua própria casa, na noite de sábado (02).

Quer mandar sugestões de pauta e flagrantes da sua cidade? Então, anote nosso WhatsApp: (51) 9 8917 7284

Luís Carlos da Silva Marques, 63 anos, conduzia a van, com placas de Capivari do Sul, que colidiu frontalmente em um ônibus, de Quedas do Iguaçu (PR), que transportava torcedores do Grêmio, do Paraná para o clássico Gre-Nal, em Porto Alegre.

O incêndio ocorreu na casa de Marques, em Capivari do Sul, que fica no litoral norte do Estado. A caminhonete dele, uma Hilux, foi localizada no local. No interior do veículo, foram localizados galões de combustível e uma caixa de fósforos.

Marques, que é sargento reformado, estava em processo de separação. A ex-mulher disse que havia sido ameaçada por ele e que tinha medidas protetivas de afastamento. Além disso, ela afirmou que ele tinha a intenção de colocar fogo na moradia.

A polícia investiga se o acidente teria sido proposital ou acidental.