Foto: Brigada Militar/Divulgação

Um criminoso de 24 anos foi preso na última segunda-feira (25) após dar entrada no Hospital de Montenegro, no Vale do Caí. Ele chegou a casa de saúde relatando ter sido baleado em Canoas.

Quer mandar sugestões de pauta e flagrantes da sua cidade? Então, anote nosso WhatsApp: (51) 9 8917 7284

Levado por familiares a instituição, o homem relatou que teria sido alvejado por integrantes de uma facção criminosa. Porém, os parentes deram outra versão ao ocorrido e isso chamou a atenção da Brigada Militar (BM) e Polícia Civil.

Rapidamente, o setor de inteligência dos dois órgãos identificou um seqüestro relâmpago em Canoas, onde a refém foi abordada e sob ameaça de arma de fogo durante um tiroteio, foi levada e liberada em Nova Santa Rita – município onde o acusado reside –. O carro da vítima foi alvejado com por três disparos.

Questionado sobre o crime, o homem ficou nervoso. Os batimentos dele que estavam sendo monitorados dispararam, o que gerou mais suspeitas. O homem foi identificado pela vítima e acabou sendo preso dentro do hospital.

Ele já recebeu alta e agora aguarda vaga no sistema prisional.